Colégio Visconde de Porto Seguro realiza o VIII Scratch Month Porto 2022

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Alunos do Ensino Fundamental conduzem e participam de oficinas e atividades utilizando a linguagem de programação

Durante todo o mês de maio acontecem as comemorações do SCRATCH DAY, evento do MIT Media Lab que incentiva a aprendizagem de programação de forma lúdica. O Colégio Visconde de Porto Seguro, por meio das aulas de letramento digital, dissemina o ensino de programação de forma a potencializar o interesse dos alunos e ao mesmo tempo desenvolve os conceitos de aprendizagem criativa.

A ideia do evento é apresentar para toda a comunidade as criações dos alunos, que envolveram os conhecimentos STEM por meio da integração dos recursos: MicroBit, Arduino, Makey Makey, Lego Wedo e Lego EV3. Desta forma os alunos programaram seus próprios jogos, animações, histórias interativas, montam e programam robôs. Além disso, em rede, os estudantes podem compartilhar suas criações com outras pessoas na comunidade online. Nesta edição, o VIII Scratch Month Porto – 2022 traz diversos desafios, oficinas, live divertida e informativa, além da realização do III GameJam, onde os alunos são desafiados a criar um jogo em um curto espaço de tempo.

Em 2022, o evento terá um modelo híbrido, que contará com workshops para pais e professores, além de outras dinâmicas para alunos, realizadas em formato presencial. O evento tem o objetivo de envolver os estudantes com noções de algoritmo e programação, desenvolvendo suas habilidades e aprofundando o conhecimento na realização de projetos digitais que envolvam essas competências. O Scratch, projeto do grupo Lifelong Kindergarten desenvolvido no Media Lab do Massachusetts Institute of Technology (MIT), está completando 15 anos, contribuindo com o aprender a pensar de maneira criativa, a raciocinar de forma sistemática e a trabalhar — habilidades essenciais para a vida no século XXI.

Para a Diretora de Educação Digital do Colégio Porto Seguro, Joice Lopes Leite, o evento estimula os estudantes a utilizar novas linguagens, enquanto exercitam a interação dentro e fora das telas. “Com o retorno das atividades presenciais, o estímulo do uso dos mais diversos sistemas e algoritmos se faz necessário para que os alunos desenvolvam habilidades de comunicação, cooperação, criatividade e resolução de problemas, enquanto interagem com a máquina e entre outros indivíduos. No Colégio, os alunos dos Ensinos fundamental I e II aprendem conceitos de programação e pensamento computacional desde a Educação Infantil, por meio de atividades lúdicas e interativas, com a utilização de aplicativos como o Scratch Jr”, disse Joice.

A programação do Scratch Month Porto2022 conta também com diversas atividades a serem realizadas em sala, durante as aulas de Letramento Digital, para os alunos do Ensino Fundamental I, II e 1ª e 2ª série do Ensino Médio.

Programação completa: http://scratchday.portoseguro.org.br (site tem versão ingles, alemão e português)

Confira a programação completa:

1º ano

Escape Room com Scratch

Uma dinâmica do tipo Escape Room em que os alunos decifrarão enigmas para se locomover pelos espaços e buscar uma saída, que convida os estudantes a criarem uma animação com o gatinho do Scratch para sair do ambiente.

2º e 3º ano

Aprenda Scratch!

Os alunos serão desafiados a criar animações e jogos por meio de cards com blocos de programação. Nesta oficina, alunos tutores conduzirão as atividades e irão compartilhar suas experiências.

4º e 5º ano

Programando com sensores no Scratch

Nesta oficina, os alunos irão programar e controlar os personagens no Scratch por meio de sensores interativos (inclinação) dos kits Lego WeDo.

6º e 7º ano

Oficina: soccer video sensing

Game de interação do jogador com os personagens virtuais utilizando a extensão de câmera (vídeo sensing). O objetivo do jogo é não deixar os personagens que caem do céu chegarem até o chão (parte inferior da tela).

8º e 9º ano

Corrida com obstáculos

Desafio em equipe: montar uma estrutura física do robô usando Lego ev3. Será necessário programar o robô no Scratch para que ele possa percorrer uma pista com obstáculos e desafios e chegar ao final do percurso.

Ensino Fundamental II

Mundo 4D: Escape do Labirinto

Os alunos terão que usar suas habilidades de lógica e matemática para construírem um programa em linguagem de blocos (inspirada no Scratch) para fazer seu Robô Spark escapar de um labirinto.