srpthumb-p23008-190x87-no copy

Suzano Papel e Celulose capta US$ 750 milhões em operação com prazo de cinco anos

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Maior parte dos recursos será destinada ao pré-pagamento de dívidas a vencer

A Suzano Papel e Celulose concluiu nesta semana uma operação de pré-pagamento de exportação no valor de US$ 750 milhões. A captação, celebrada pela Suzano Pulp and Paper Europe SA, subsidiária integral da Suzano Papel e Celulose, tem prazo total de cinco anos (três anos de carência) e a menor taxa já paga pela Suzano em operações com perfil semelhante.

A maior parte dos recursos será destinada à amortização de US$ 600 milhões em dívidas com vencimento de curto e médio prazos, contraídas em operação financeira de pré-pagamento de exportação realizada em maio de 2015.

“A captação desses recursos e o pré-pagamento de dívidas a vencer nos próximos anos reduz o custo da dívida da Suzano em dólares e ainda permite o alongamento do prazo médio da dívida”, explica Marcelo Bacci, Diretor Executivo de Finanças e Relações com Investidores da Suzano Papel e Celulose.

A busca constante por oportunidades com estruturas e custos adequados permitiu à Suzano elevar o prazo médio da dívida de 42 meses ao final de 2016 para 84 meses em dezembro de 2017. Nesse mesmo período, o nível de alavancagem caiu de 2,6 vezes para 2,1 vezes na relação entre dívida líquida e EBITDA ajustado.

Pré-pagamento de exportação

Operações de pré-pagamento de exportação representam um financiamento à exportação a ser realizada por empresas brasileiras. Com a antecipação de recursos, essas exportadoras podem realizar investimentos em produção, armazenagem e comercialização de produtos, por exemplo.

Sobre a Suzano Papel e Celulose

A Suzano Papel e Celulose é a segunda maior produtora de celulose de eucalipto do mundo e a maior fabricante de papéis de imprimir e escrever da América Latina. Como subsidiária da Suzano Holding e parte do Grupo Suzano, reúne mais de 90 anos de tradição com o que há de mais moderno de tecnologia para a indústria de papel e celulose. Possui cinco unidades industriais no Brasil, escritórios internacionais em seis países e estrutura de distribuição global preparada para abastecer mais de 60 países. Produz, além de Celulose, Papéis de imprimir e escrever revestido e não revestido e de Embalagens, Tissue (papéis para fins sanitários) e celulose Fluff (usada na produção de fraldas e absorventes higiênicos), e está investindo na produção de Lignina e derivados, criando uma plataforma de química verde para a substituição de matéria-prima de origem fóssil, entre outras aplicações. Trabalha no desenvolvimento genético de culturas florestais e atua no setor de biotecnologia por meio de sua subsidiária FuturaGene. A empresa possui capital aberto e integra o Novo Mercado, o que reforça seu compromisso com o avanço contínuo das práticas de governança corporativa.  Para mais informações, acesse www.suzano.com.br.