srpthumb-p23008-190x87-no copy

Ecofuturo e Suzano avançam na implantação de Biblioteca Comunitária e programa de Educação Ambiental em Malacacheta (MG)

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Encontro com a comunidade busca apresentar os projetos e convidar a população local a se engajar nas iniciativas

 

O Instituto Ecofuturo, junto com a Suzano Papel e Celulose, avança em mais uma etapa para a implantação de uma Biblioteca Comunitária em Malacacheta (MG), com apoio da prefeitura municipal. Na próxima quinta-feira, 4/10, às 18h30, será realizada uma mobilização comunitária na Escola Municipal Eva Ribeiro Mendes, instituição que receberá o projeto. O encontro deve reunir cerca de 200 pessoas e tem como objetivo apresentar a iniciativa, conhecer as demandas da população e estimular a sua participação durante todo o processo. Na ocasião, também será apresentado o programa de Educação Ambiental, que envolverá professores e alunos da rede pública de ensino. Ambas as iniciativas integram o Nascentes do Mucuri, projeto idealizado pela Suzano e desenvolvido por vários parceiros, que promove a restauração das nascentes do rio e o desenvolvimento local.

Além da nova Biblioteca Comunitária Ecofuturo, com inauguração prevista para o primeiro semestre de 2019, o espaço de leitura da Escola Agrícola será revitalizado e ganhará mobiliário e acervo complementares, com livros de literatura e títulos sobre agricultura, escolhidos pelos próprios alunos e monitores.  Outro projeto que o Ecofuturo vai desenvolver, também com apoio do poder público e com investimento da Suzano, é um programa de Educação Ambiental com professores da cidade.

“A comunidade é o ponto central dos projetos do Instituto. É imprescindível que as pessoas tenham um papel atuante durante todas as fases e possam se empoderar, além de imprimir nas ações a identidade local. As iniciativas são fortalecidas e tornam-se ainda mais transformadoras quando há o envolvimento dos moradores da região. Durante a mobilização comunitária, eles serão convidados a dar sugestões e participar das decisões sobre a biblioteca, planejada de acordo com as necessidades do município. O mesmo se aplica às oficinas de Educação Ambiental, que serão estruturadas com a colaboração dos educadores e adaptadas ao contexto das escolas da região”, afirma a superintendente do Ecofuturo, Marcela Porto.

Próximos passos

 

Após a fase de mobilização, em que será eleito um interlocutor da comunidade, que acompanhará todas as etapas da implantação da Biblioteca Comunitária, será realizada a formação de cerca de 30 educadores e pessoas da comunidade em cursos de Auxiliar de Biblioteca e Promotor de Leitura, e em uma oficina de Educação Ambiental, que visa valorizar o ambiente natural como espaço educador. Dois dos participantes serão funcionários da nova biblioteca.

A unidade receberá 1.000 livros novos de literatura, dois computadores, impressora, software para gestão da biblioteca, equipamento de TV e Blu-Ray, além do mobiliário necessário para compor o espaço. Dos livros, 70% são selecionados por especialistas da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ), executora técnica do projeto, e 30% são escolhidos posteriormente conforme as necessidades e interesses da comunidade.

Atualmente, são 110 Bibliotecas Comunitárias Ecofuturo distribuídas em 12 estados. Segundo pesquisa de impactos desenvolvida pela consultoria METAS Sociais e divulgada em 2018 pelo Instituto, os municípios que receberam bibliotecas da rede apresentaram melhora nos índices educacionais, como aumento médio de 7,8% no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) no Ensino Fundamental II, em comparação com cidades de mesmo porte, mas que não têm bibliotecas do projeto. O estudo apontou também uma elevação de 4,2% na taxa de aprovação dos alunos do Ensino Fundamental II, e de 3,4% no Ensino Fundamental I. Verificou-se ainda uma relação positiva entre a presença das bibliotecas e uma maior participação das famílias na vida escolar dos estudantes.

Educação Ambiental

 

A próxima fase do projeto de Educação Ambiental é a mobilização da comunidade escolar, realizada também nesta semana, que contempla uma apresentação mais aprofundada da iniciativa e a abertura das inscrições para os encontros de formação do programa, coordenados pelo Ecofuturo. O objetivo das formações, que envolverão cerca de 120 educadores, é incentivá-los a criarem contextos de aprendizagem que envolvam elementos da natureza, estimulando o desenvolvimento de projetos educacionais de forma interdisciplinar, que contribuam para a conscientização sobre a importância da conservação ambiental.

A iniciativa complementa o projeto de Educação Ambiental já desenvolvido nas escolas da cidade, fornecendo novas ferramentas para aprimorar os trabalhos realizados com os estudantes. Os encontros acontecerão em diferentes locais do município, com formações em quatro módulos, que incluem palestras com conteúdo técnico e conceitos sobre Educação Ambiental e desenvolvimento de projetos socioambientais, entre outras atividades. Ao final, as ações implementadas serão reunidas em um dossiê e apresentadas durante um evento.

Sobre o projeto Biblioteca Comunitária Ecofuturo

A conquista de competências de leitura e escrita é a base para a educação de qualidade e o desenvolvimento da consciência crítica. Com essa visão, o projeto Biblioteca Comunitária Ecofuturo tem como objetivo contribuir para a implantação e qualificação de políticas públicas de leitura e de biblioteca, para a democratização do acesso ao livro e para a efetivação da lei 12.244/10, a qual determina que, até 2020, todas as instituições de ensino do País, públicas e privadas, deverão ter bibliotecas. Em parceria com o poder público, iniciativa privada e comunidade local, o Ecofuturo trabalha na implantação de bibliotecas em escolas públicas, abertas à comunidade, e no incentivo à leitura. Alguns destaques:

  • 110 bibliotecas implantadas em 12 Estados.
  • Média de 6 mil atendimentos por ano em cada unidade.
  • Quatro mil pessoas formadas nos cursos de Auxiliar de Biblioteca e Promotor de Leitura.
  • Realização de oficinas de gestão e sustentabilidade com representantes do poder público.

Sobre o Instituto Ecofuturo

O Instituto Ecofuturo contribui para transformar a sociedade por meio da conservação ambiental e promoção de leitura. Entre as principais iniciativas estão o projeto Biblioteca Comunitária Ecofuturo, com a implantação de mais de 100 bibliotecas no País, e a gestão do Parque das Neblinas, onde são desenvolvidas atividades de educação ambiental, pesquisa científica, ecoturismo, manejo e restauração florestal, e participação comunitária. Organização sem fins lucrativos, fundada em 1999 e mantida pela Suzano Papel e Celulose, o Instituto atua como articulador entre sociedade civil, poder público e o setor privado. Conheça mais sobre o Ecofuturo em www.ecofuturo.org.br, e acompanhe em www.facebook.com/InstitutoEcofuturo e www.youtube.com/institutoecofuturo.

Sobre a Suzano Papel e Celulose

A Suzano Papel e Celulose é a segunda maior produtora de celulose de eucalipto do mundo e a maior fabricante de papéis de imprimir e escrever da América Latina. Como subsidiária da Suzano Holding e parte do Grupo Suzano, reúne mais de 90 anos de tradição com o que há de mais moderno de tecnologia para a indústria de papel e celulose. Possui sete unidades industriais no Brasil, escritórios internacionais em seis países e estrutura de distribuição global preparada para abastecer mais de 60 países. Produz, além de Celulose, Papéis de imprimir e escrever revestido e não revestido e de Embalagens, Tissue (papéis para fins sanitários) e celulose Fluff (usada na produção de fraldas e absorventes higiênicos), e está investindo na produção de Lignina e derivados, criando uma plataforma de química verde para a substituição de matéria-prima de origem fóssil, entre outras aplicações. Trabalha no desenvolvimento genético de culturas florestais e atua no setor de biotecnologia por meio de sua subsidiária FuturaGene. A empresa possui capital aberto e integra o Novo Mercado, o que reforça seu compromisso com o avanço contínuo das práticas de governança corporativa.  Para mais informações, acesse www.suzano.com.br.